15 perguntas que as feministas não souberam responder

15 perguntas que as feministas não souberam responder

Vi no Orkut esse título interessante, é um longo texto que estava em um blog,  percebi que são as mesma perguntas de sempre, então pra não ter mais que ficar respondendo e discutindo, resolvi responder tudo de uma vez.:

Antes de tudo:

Há uma diferença entre feminismo e femismo:

Feminismo é o respeito mutuo entre homens e mulheres.

Femismo é o inverso do machismo, (ao invés do homem mandar a mulher é que manda).


Pelo aborto de crianças indefesas! Pelo fim da família tradicional! Mais dinheiro governamental pras mulheres e menos pros homens! Adultério feminino é libertação! Promiscuidade desenfreada é a solução! Mulher batendo em homem não existe e é pura defesa! Homens vivem o paraíso na terra, vamos estripá-los! Homens bonzinhos fedem! Se depilar é opressão, peludice é libertação!

Você diz:

Você quer obrigar uma á ter um filho?  As pessoas defendem que crianças nasçam para que elas possam matar ela em vida (dois filmes que mostram isso: “Parada 174” e “Anjos Do Sol). E esse é um tema que não é todos os discurso feminista abordam.

Família tradicional? Que família? O formato da família muda de acordo com a sociedade! Não há formato padrão de família (um filme que mostra isso: “Lavoura Arcaica”).

Promiscuidade? Como assim? Você  esta me dizendo que é “feio” uma mulher ter prazer? A própria sociedade fala que a mulher tem que ser sexy, mas ao mesmo tempo fala que ela tem que ser “santa”, nenhuma pessoa tem que se reprimir sexualmente só porque um outra pessoa diz.

Adultério feminino? Esse é um comportamento INDIVIDUAL de CAD mulher, não de todas, e nenhuma vez o discurso feminista falo que a mulher tem direito de cometer adultério; você esta falando do feminismo ou de comportamentos individuais?

Mulher batendo em homem? Eu já vi casos de mulher espancando homem, e sabe o que aconteceu com ela? Foi presa! Em uma briga de casal há muitos arranhões tanto no homem como na mulher, nenhum juiz vai condenar alguém por isso, a lei Maria da penha é para ESPANCAMENTOS e não para qualquer coisa!

Homens vivem em um paraíso…vamos estripá-los? Esse não é discurso feminista, mas sim um discurso FEMISTA!

Depilar é opressão? Sim, é opressão! Toda doutrina á um sexo é considerado machismo ou femismo, independente de você gostar ou não de mulheres depiladas, isso é uma doutrina, eu faço uma pequena discussão aqui:

https://feminismoconstrutivo.wordpress.com/2010/08/17/uma-turca-ou-calca-legue/

Vamos fazer uma pequena discussão sobre alguns assuntos, assim avançaremos automaticamente algumas perguntas:

Há inúmeras mulheres mais fortes do que homens, mas por causa da TESTOSTERONA, o homem tem muito mais tendência e facilidade á ter músculos, e por conseqüência, ser mais forte que a mulher. Sei que há exceções, sei também que o numero de exceções pode ser tão auto que isso pode deixar de ser exceção, mas isso é um fato biológico e isso não é negado pelo feminismo!

“Uma mulher não nasce mulher, tornasse mulher” Simone de Beauvoir

Uma mulher até os doze anos de idade é exatamente igual á um homem,  depois disso começa as mudanças físicas. Porem, desde que nasce os dois sexos já recebem características padronizadas e começa um “treinamento” para quando forem adultos. Desenhos animados  levando questões que apenas adultos levantam, uma delas é os papeis sociais de uma mulher e de um homem. Na série Pateta, da Disney, o personagem Bafo mantem a casa como líder familiar, sua mulher, uma dona de casa, só começa a trabalhar quando Bafo esta com problemas financeiros ou então quando ela esta afim de algum robi, uma diversão.  Bafo se sente ameaçado porque esta perdendo o comando da casa. Com essa minúscula idependencia de sua mulher, a vida em casa começa entrar em caus. O desenho parece até contestar o papel da mulher na sociedade, mas reafirma, pois o fato dela começar a trabalhar é mostrado como algo negativo. Na serie Popeye, Emilia é tratada como a mocinha indefesa que necessita da força do homem.

Em Os Flinstones também é bem claro o papel da mulher e do homem. Isso sem contar nos inúmeros filmes que retratam a mulher apenas como donzela indefesa, e mesmo quando é independente, em um momento crucial do filme, ela depende do heroísmo do homem.

(se tem duvida que uma criança é influenciada por desenho, comerciais etc, assinta “Criança, A Alma Do Negócio”, pode não falar da influencia  do machismo, mas fala da vulnerabilidade infantil).

Tudo isso são influencia  bem claras, para crianças, dos papeis femininos e masculinos na sociedade, e toda a criança que sai deste padrão sofre bullying da outras crianças, e mesmo um adulto que foge do padrão sofre opressão, ou você acha que uma mulher que não usa maquiagem, que não se depila ou que é acima do peso não sofre repressão? Sofre, e muito, alias, os homens também sofrem, você pode não perceber, pois esta incluído na sociedade e foi criado assim, mas qualquer  homem que não seguir o padrão de homem também sofre repressão, um bom exemplo é um homem que não tem voz grossa, sempre acaba surgindo aquele comentário “que voz de mulher é essa?” “fala que nem homem!”.

Se uma mulher age como mais frágil, é porque ela foi treinada pra ser assim, assim como o homem é treinado para não chorar.

Respondida: 1 – Se são favoráveis a igualdade total e dizem que os homens são iguais ás mulheres, porque os requerimentos mínimos nos testes físicos pra bombeiros, polícia Federal, Militar, Civil e forças de segurança em geral são menores pras mulheres? Porque as feministas nunca protestam contra isso? Porque nos EUA as feministas consideraram os testes pra bombeiros discriminatórios e rebaixaram o mínimo pedido pra permitir mulheres entrarem?

Respondida::a 1 a) Se as mulheres são iguais aos homens e tudo não passa de diferenças culturais porque testes de cientistas militares mostraram que as mulheres tem 35% menos força nos membros inferiores e 45% nos membros superiores?

1 b) Se os testes físicos pras mulheres foram rebaixados assim como cursos militares mais difíceis pra que as mulheres pudessem acompanhar o difícil ritmo militar sem desistirem, porque são favoráveis a elas serem escaladas pra combates nas linhas de frente (são proibidas no mundo todo) sendo que são mais fracas e menos preparadas que os homens? Isso não poria em risco todo mundo e o próprio país em guerras?

Resposta: Não, porque não estamos na idade média, não há contato físico direto, hoje há armas de fogo que mulheres podem manejar com “tranqüilidade”. Incidentes como estupro dentro do próprio exercito é questão de má conduta dos soldados. Questões como: uma mulher que estiver menstruada? Há remédios dentro do exercito que fazem com que a menstruação seja adiada. Em caso de guerra, o exercito terá gastos extras como com absorventes ou banheiros femininos, mas esse custo é recompensado pelo aumento do exercito. Em último caso a mulher pode trabalhar na parte estratégica, e os homens que estariam ali, iriam para a luta armada.

1 c) As mulheres tem mais lesões que os homens em todos os esportes que praticam. Como elas podem então fazer parte de forças militares se são mais frágeis e fracas fisicamente?

Resposta acima

2- Porque as feministas não criticam a aposentadoria de 65 anos e 60 anos pra mulher? Se usar a desculpa da dupla jornada, como explica que os homens comprovadamente trabalham mais, tiram menos licenças, morrem 7 anos mais cedo que a média da mulher, sofrem de mais estresse no trabalho e correspondem a 95% dos trabalhos perigosos? E como fica o caso das mulheres que nunca casaram ou moraram junto a um homem? Elas não tem dupla jornada certo? É justo elas se aposentarem 60 anos enquanto a pobre casada se aposenta também com 60?

Resposta:

Na última afirmação que você faz, das mulheres “ricas” e as pobres, isso é uma característica de aposentadoria do nosso pai, e também vale para os homens.

Logo no começo eu afirmo “Há inúmeras mulheres mais fortes do que homens, mas por causa da TESTOSTERONA”

1° Brasil não se resume á São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília, há sim muitas mulheres trabalhando em locais perigosos, não só aqui, mas, por exemplo, na Bolívia, lá a maior parte dos trabalhos pesados a mulher é maioria. Porem, você acha que um cortador de cana tem seus direitos humanos garantidos? É terrível ver uma mulher tendo que trabalhar em um trabalho desse da mesma forma que é horrível ver um homem, então ao invés de lutar para que a mulher também trabalhe nestes locais, vamos lutar para que estes trabalhos não existam.

Devo lembrá-lo dos escravos, os escravos de lavoura não eram diferenciados pelo sexo, só havia essa diferenciação na hora de estuprar a escrava. Há também os Italianos que, na realidade, chegaram no Brasil como “escravos legalizados” depois das lavouras foram para as fabricas em condições sub-humanas, não houve diferenciação de sexo! Percebe que a mulher só tem o mesmo trabalho de um homem quando o trabalho é explorador! E mesmo assim as mulheres recebem menos, com aquela desculpinha “ela tem marido pra ajudar em casa”.

Não é questão de não querer trabalhar pesado, mas sim lutar para que menos pessoas tenham que fazer esses serviços.

Esse seu discurso é típico daqueles que falam “nós sofremos, então vocês também que sofrem também!”. Eu sou homem, e sou pobre, então eu vo lutar para que meus filhos não tenham que saber o que é a fome! É como eu sempre digo “não é porque ninguém olho por mim que eu não vou olhar pelo outro”

É fácil ser poderosa e feminista e pedir cotas em diretorias e faculdades, difícil é pedir cotas e trabalhar em minas de carvão, esgoto, montanhas..

3- As mulheres são maioria nas faculdades hoje em dia. No passado a maioria masculina nas faculdades era considerado preconceito e opressão. Hoje o fato delas serem maioria é visto como superioridade feminina. Onde fica a tal igualdade? As feministas dizem lutar por igualdade total, elas vão lutar por nós homens agora que estamos em “desvantagem”?

Resposta: O discurso de superioridade feminina não é feminismo, e sim femismo, o aumento do numero de mulheres na faculdade é sim uma conquista, eu sou homem e tenho as mesmas oportunidades que uma mulher? Eu já disse, o Brasil é maior que SP, RJ e DF, de onde eu venho (periferia de São Paulo) uma mulher não têm tempo de estudar a tarde porque tem que cuidar do irmão mais novo, ou do filho da vizinha, uma mulher tem que sair da escola por causa de gravidez (não estou discutindo se é certo ou errado ela engravidar cedo). Particularmente não sou a favor de cotas, pois o governo usa elas pra não aumentar a qualidade da escola pública, mas isso é um outro assunto.

4- O governo tem secretaria especial pras mulheres pra tratar assuntos só delas. Porque não há secretaria de assuntos pros homens? Homens não tem problemas e vivem num paraíso na terra?

Resposta: há uma necessidade de haver delegacias especiais para mulheres, porem um homem que for estuprado também pode ir á elas, pois é um espaço em que uma mulher não recebera um olhar torto do delegado, que dirá pra ela “com essa roupa você não quer ser estuprada?”. Me diga uma necessidade que um homem tem que ele não consegue suprir com o que já temos?

5- O governo gasta com câncer de mama muito mais que gasta com câncer de próstata. O governo tem programas especiais de saúde pras mulheres e alguns ou quase nada pros homens. O câncer de próstata tem maior incidência e é mais agressivo que câncer de mama. Se os homens são naturalmente resistentes porque não faz campanhas mais agressivas? Quando as mulheres é que são resistentes a algo aí não é “burrice” mas sim tem que conscientizá-las com mais cuidado e dinheiro publicitário governamental dos contribuintes.

Resposta: Tem muito homem que morre de medo de um exame periódico de próstata, isso é que mais dificulta o tratamento contra o câncer de próstata. Vejo os mesmos homens que dizem isso não fazendo nenhuma campanha á favor do exame de próstata! Você faz? Saiba que essas campanhas surgiram de um pequeno grupo que falo “nós existimos”. O movimento feminista não é contra á campanhas pelo câncer de próstata, mas sim, o governo é que é ineficiente e não ás faz.

“Vamos comprar camisetas e doar dinheiro pra campanha de mama! O de próstata? Ah foda-se, homem não vai no médico, é machista, deixa eles morrerem mesmo, nada de dinheiro pra esses manés!”. Será que elas falam o mesmo quando se coloca rios de grana nas delegacias de mulheres, onde cretinas voltam direto pra seus agressores? Vamos deixá-las se fuder também que tal?

Parte da resposta já esta acima. O que você diz acima não faz parte do discurso feminista, talvez faça do discurso femista. Se mulheres voltam para seus agressores é porque elas tem lassos afetivos com eles, afinal ela foi treinada pra ser assim (como eu disse no começo) assim como homens tem lassos afetivos com suas agressoras, ou com as adulteras, mas ele não tem que pensar duas vezes, ele pode expulsar ela de casa, e se ele sair, tem profissão garantida. O certo deveria investir em uma independência financeira da mulher, mas também é lutar pela melhoria do trabalho de uma forma geral, isso, automaticamente, inclui o homem.

6- Porque as feministas reclamam que os homens são machistas pau no cus de merdas, mas o homens feministas são os que menos pegam mulheres, e os cafas machistas que as vêem como carne pegam geral?

Resposta: Em primeiro lugar não é discurso feminista dizer “pau no cus”, mas sim femista. Sim, há mulheres que mesmo dizendo que são feministas na verdade são machistas, as mulheres feministas que tem consciência da opressão que há contra elas é muito pequeno em comparação ao numero de mulheres espalhadas por ai, como disse no começo, a pessoa é criada desde pequena a ter o valores machistas. As pessoas vivem em uma sociedade machista, autoritária e violenta, é comum que elas acabem sendo assim, mas isso não quer dizer que isso tenha que ser assim. Opressão gera opressão! Mas na luta contra a opressão, muitos acabam oprimindo! É como eu sempre digo “todo grupo de oprimidos tem tendência a oprimir”, não é apenas o feminismo, mas todos que vejo.

7- Homem é responsável por pagar pensão a um bebê pois “a mulher não fez a criança sozinha”. Homem não tem voz no aborto de uma criança pois não é o “corpo dele”. Conveniente hã?

Resposta: A questão do aborto é a mulher que diz? Depende do casal! Se pressupõe que muitas mulheres ao recorrer ao aborto não é porque simplesmente  é conveniente á ela, mas sim porque é extremamente necessário, um aborto não é algo prazeroso, é doloroso! (assista o documentário “O Aborto Dos Outros”). Conheci homens que obtiveram a guarda da criança e a mulher teve que pagar pensão! Ou seja, a lei pode variar!

8 – Se as mulheres são tão pra frente, modernas e independentes, porque exigem sempre alguém acima financeiramente e profissionalmente e ainda se gabam disso?

Resposta: Eu vivo em uma sociedade que fala que as mulheres já conquistaram seus direitos, e que o feminismo já existe. Mentira!!! Há alguém acima porque uma mulher muitas vezes não tem respeito no trabalho! Acorde pra vida rapaz, em que mundo você vive? As mulheres não tem as mesmas oportunidades que um homem! Não vejo ninguém se gabando, vejo pessoas falando “chegamos longe, mas ainda há muito caminho pra percorrer”. Se você é a única pessoa da sua família e de sua região á trabalhar no exterior, em um cargo honroso, você não ficara feliz? Mesmo tendo alguém acima? Agora pense no equivalente!

9 – Porque as feministas ameaçaram uma ativista ex-feminista australiana que constatou ao trabalhar em abrigos para mulheres que foram agredidas, que as mulheres eram tão violentas quanto os homens que estavam e que o número de homens agredidos e abusados por suas namoradas e esposas também era altos, e quando ela quis fazer um abrigo de homens foi difamada, agredida, ameaçada e expulsa dos abrigos, tomados para fazer campanha política?

Resposta: Isso não é feminismo, é femismo! Infelizmente muitos grupos que se intitulam como feministas, são extremamente femistas!

9 a) Porque as feministas negam a ver que os abusos físicos e emocionais a homens são tão freqüentes quanto os femininos?

Resposta: Não! O discurso feminista não nega isso, sendo que um dos discursos fala justamente que o homem também sobre repressão pelo machismo ou pelo femismo. Não, as ofensas não são tão graves assim, tente fazer baliza enfrente á um bar, com você não acontecera nada, mas á uma mulher iram dizer em vós alta “só podia ser mulher” “quer ajuda boneca?” “ta ajudando o maridão?”. Pense no calo que faz no Brasil, agora pense que uma mulher tem que usar roupas cumpridas para não ser molestada visualmente e fisicamente 9molestar também é passar a mão na bunda, ou encostar o dedo na vagina dela fingindo ser sem querer. Se você não consegue ter ideia de como isso é ruim….Bem, suponho que você seja heterossexual, correto? Pois bem, eu posso te levar em um bar gay, mas não qualquer um, um daqueles que os caras tentam te beijar e passam a mão em você, assim como muitos homens fazem com mulheres em baladas.

10 – Quando se fala em estupro porque as feministas (que são pró-igualdade e defesa do “ser humano igualitário”) não dão bola pros milhões de estupros ocorridos todos os dias em prisões masculinas?

Resposta: Quem disse que não dão bola? Alias, quem da bola pra eles? Eu, você e muitos podem falar disso, porem, qual a visão que as pessoas tem de estupro dentro de cadeia? Eles dizem “bem feito, quem mando roubar”, ou algo do tipo. Você esta exigindo do feminismo uma luta que não é apenas dele, se há estupros lá dentro é porque a sociedade inteira permite.

11- Porque quando se generaliza homens negativamente, as feministas riem, comemoram e concordam e é permitido e exaltado, mas quando é o contrário, é logo machismo, preconceito, e é necessário prisão e intervenção governamental?

Resposta: Esses comentários não são feministas, são femistas! Muitas mulheres que se dizem feministas também fazem esse tipo de comentário, isso porque, talvez, nem elas próprias saibam disso, e confundem feminismo com femismo.

12- Se as mulheres são superiores aos homens, ou “melhores” na maioria das coisas segundo as feministas, porque elas foram, segundo as próprias, oprimidas por milênios e só alcançaram “liberdade” após os homens permitirem? Se elas são melhores elas já teriam subjulgado os homens rapidamente no começo da história hã?

Resposta: Em primeiro lugar no antigo Egito as mulheres tinham exatamente os mesmos direitos que os homens,isso se perdeu por causa da invasão romana. Segundo: As mulheres não conquistaram seus direitos depois que os homens permitiram, foi uma serie de eventos, as maiores mudanças da humanidade em relação á costumes e cultura foi o Pós Guerra (primeira e segunda guerra mundial), esse foi um dos principais eventos que emulsionaram o feminismo assim como outros movimentos. Já disse que esse discurso de superioridade não é feminismo, é femismo. Um dos movimentos mais famosos foi o Rock N’ Roll e os hippies. O Rock é fruto dos negros, e só teve repercussão mundial por causa de Brancos que começaram a cantar (só brancos eram aceitos no cenário artístico) Os hippies se basearam muito na psicanálise de Carl Gustav Jung. Emma Goldman (1869 á 1940) foi um dos grandes nomes do feminismo na virada do sec. Nada na história acontece do nada, pode ocorrer mega explosões, mas são fruto de algo que já caminhava.

13- Quando mulheres sofrem de alguma coisa mais que os homens o governo corre a ajudá-las, há reportagens, pedidos desesperados de ajuda e claro, joga-se a culpa no homem. Mas porque que:

13 a) Não acontece o mesmo com o fato que 80% das mortes violentas são de homens. Porque ninguém faz nada?

13 b) Porque não se faz nada pelo fato que a maioria dos sem teto são homens?

13 c) Porque não se faz nada pelo fato que as drogas atingem mais os jovens hoemens?

Resposta:

1° Você esta fazendo uma critica ao feminismo ou á ineficiência do nosso governo?

Toda vez que o grupos de Cem Terra faz algum protesto todos vem na TV e dizem “bando de vagabundos!” e isso não é só pros Cem Terra, mas todo o protesto ou manifestação! Você já penso que toda essa repercussão é fruto de uma luta? A mesma mídia que divulga isso apóia o homem como dono da mulher!  Em nenhum momento um discurso verdadeiramente feminista disse para não falarmos dos homens que sofrem! Isso vira noticia por que HOMENS ficam sensibilizados com mulheres e crianças, sabe aquela imagem que mantêm da mulher sendo uma donzela indefesa? Então, fazendo propagandas do tipo “naquela guerra mulheres e crianças morreram” ou seja, é a mesma coisa se dissessem “olhem, pessoas totalmente indefesas estão sofrendo, nós, homens fortes vamos ficar aqui parados?” Okay, é fato que sendo as mulheres treinadas para serem mais fracas, acabam se tornando mais fracas, ai, de fato, ela acaba sendo uma “donzelinha indefesa”, mas o feminismo não é á favor disso.

14- Porque as feministas apenas lutam pra que os homens ajudem a lavar a merda da louça, façam serviços estúpidos domésticos e troquem fraldas, mas ficam caladas com coisas mais sérias e prejudiciais como o fato que o homem é obrigado e pressionado a trabalhar mais cedo pra ajudar em casa, enquanto a mulher é poupada e posta pra estudar e fazer faculdade?

Eu não sei onde você vive, eu vo dizer novamente: o Brasil não é só SP, RJ e DF!!! De onde eu venho é mais fácil o pai tirar a menina da escola do que o menino! E ambos têm que trabalham mais cedo pra ajudar em casa! A vida não é tão fácil pra todos meu rapaz!

Desde quando lavar louça é humilhante? É um trabalho digno como qualquer outro! É necessário pra sociedade! Criar um filho não é humilhante, você esta criando uma vida! O discurso não é “não queremos esse serviço humilhante”, mas sim “não nos perguntaram se queremos” e a mesma pergunta os homens tem que fazer!  Tenho amigas que terminaram a faculdade e resolveram ser dona de casa, e estão contentes com o que fazem, a questão não é “que trabalho você faz”, mas sim “você escolheu isso?” Ai você vai me dizer “mas o homem também não escolhe o seu trabalho” exatamente isso! O problema é que ninguém pode escolher o que quer fazer. Porem há uma grande diferença entre:

Um amigo meu que não passo em medicina na USP e uma outra coisa é um outro amigo que não teve uma escola que ensinasse nem a ler direito (eu sou dessa escola, e aprendi muito mais fora dela). O primeiro tem a oportunidade de tentar, tentar não é só poder chegar lá e fazer a prova, mas sim ter recebido educação e estar preparado pra prova. Não adianta querer me comparar ao segundo caso, só porque estudamos na mesma escola, pois eu não tive que trabalhar dês dos 12 anos, minha família pode apertar um pouco mais o salário.

Tu és homem já, vá trabalhar vagabundo ou te expulsamos de casa. Enquanto isso nossa filhinha meterá a cara nos livros porque filha minha não vai depender de macho, né princesa do papai?

Resposta: Eu acho que já respondi a isso acima, né?

15 – Qualquer coisa que cobre mais de mulheres e impeçam seu acesso é proibido. Qualquer coisa que cobrem mais do homem e impeçam seu acesso é permitido. Vide todos os bares e baladas e academias como a Curve’s.

Resposta: Desde quando o movimento feminista fala isso? Sim, eu vejo muitas feministas dizendo isso, porem, este não é um discurso feminista.

Há uma questão que pensadoras feministas já chegaram a defender é a criação de espaços femininos, pois o homem tem seus espaços (futebol, bares etc) onde podem conversar a vontade, afinal se houver uma mulher ali eles vão se fingir de outras pessoas só pra tentar agradar ela. A mesma coisa acontece com as mulheres, um espaço em que elas sejam livres pra dar gargalhadas altas, sem ter aquele olhar masculino de desaprovação. Eu particularmente sou contra, sou a favor de espaços em que homens e mulheres podem agir sem o medo da repressão do outro, até porque, mesmo nestes espaços femininos haverá sempre aquele grupo de mulheres que olhara torto para aquela que der uma gargalhada monstro (digo isso baseado em relatos e experiência)

__

Bom, as respostas eu já sei.

– Esse Silvio é um demente de merda. Vamos denunciá-lo e chamar a polícia.

– A culpa é da sociedade machista. Mas eu só farei algo se for ruim pra mulher. Se o machismo for bom pra mulher eu apenas falarei este clichê mas não farei nada.

– Tu és um pega ninguém.

– Ui, tu és gay

Brilhante essas feministas. Nem de 4 ficam pois é opressão. Chora não, preconceituosa.

Okay, eu não vo te xingar porque:

Você não é um demente, só tem uma opinião contraria á minha, e como você expos ela em um blog, então automaticamente colocou um espaço á criticas

“tu és um pega ninguém” também não vo te xingar disso, porque é como se o fato do cara “pegar” mais mulheres fosse fazer ele melhor, mulher não é troféu!

“Ui, tu és gay” Se eu fosse te xingar de gay, eu estaria falando “ser gay é ruim, por isso eu vo te xingar disso, igual te xingar de…burro” isso seria totalmente homofóbico.

“Ficar de 4”   na relação sexual é só uma posição, depende da mulher dizer se ela esta assim porque ela gosta ou porque disseram que ela tem que ficar assim.

Por mim o titulo desse meu texto seria “respondendo o que o machismo finge perguntar, mas afirma”

Por quê? Porque na verdade todas essas questões são afirmações, não adianta eu responder, vai vir alguém ler e simplesmente falar: “que babaca”. Ou até mesmo feministas que podem dizer “quem é esse homem pra vir falar de feminismo?”.

Varias questões acima são afirmadas por muito, porque eles não querem ouvir a resposta? Às vezes sim, mas muitas vezes não há alguém que as responda. Eu disse muito bem o porquê eu não vou xingar o autor das perguntas, mas vai alem disso, por mais preconceituosa que possa ser uma opinião, pelo menos a pessoa expos, e ela expondo, eu venho e mostro que todas essas questões acima foram falta de conhecimento, um conhecimento que não se aprende na escola, alias, eu tive uma certa dificuldade pra estudar o pouco que sei, e tenho dificuldades pra achar livros sobre esse tema.

Texto de domínio público

Carlos Ronchi

Sobre Ronchi

Aluno de sonoplastia na SP Escola de Teatro, professor e membro fundador do grupo Cia TeatroSilva e Coordena o PPAC Unifesp (Programa de Pesquisa e Extensão em Artes Cênicas). Participou do processo de criação do espetáculo Bom Retiro 958m do grupo Teatro da Vertigem, Roberto Reiniger e a Filologia das Estrelas da Cia Tragédia Pop e acompanhou o grupo Cia Os Satyros com o espetáculo Inferno na Paisagem Belga ao Festival Mindelact de Cabo Verde. Hoje acompanha os grupos Desvio Coletivo, com o espetáculo Pulsão, Os Satyros, com Inferno na Paisagem Belga e compõe o projeto de ocupação do Espaço Maquinaria com o projeto Restos.
Esta entrada foi publicada em Textos. ligação permanente.

14 respostas a 15 perguntas que as feministas não souberam responder

  1. Gabri3L diz:

    O mimimi de sempre,mas uma das respostas está aqui;

    “Vi um comentário de 1 rapaz que é do C.O.R.E da Policia Civil daqui RJ.

    MUitas mulheres estavam “putas” pq no CORE, as mulheres não sobem os morros ou favelas, somente em outras ocasiões, aí ele deu essa resposta:

    Primeiro…eu peso 90Kg, mais meu equipamento(+/- 30Kg) vou para 120Kg aproximadamente!! uma mulher pesa em media 60Kg ( com o perfil operacional ) porem o equipamento é o mesmo, não tem diferença!!!!!! Aí ela já vai ter q carregar 50% do próprio peso…durante TODO o tempo da operação( não pq é mulher q vai sair mais cedo, tem armamento de “menina” ou vão dar menos tiros em cima)!!!

    Aí vem uma situação bastante provável!!!!!!! Em uma operação, eu como seu companheiro de equipe, sou baleado!! Vc não pode me deixar lá e nem meu equipamento…certo? entao…vc terá q me carregar ou pelo menos me ajudar a sair de lá, caso eu consiga caminhar!! vc terá q carregar a mim(90kg), meu equipamento(30kg), vc mesma, claro(60Kg) e seu equipamento(30Kg), ou seja, vc com 60Kg vai ter q carregar uma carga de 210Kg!!!! Claro q existem mulheres(atletas olímpicas q treinam só pra isso) q levantam esse peso todo, mas não esqueça q vc já vai estar cansada, sob estresse e tiro!!! hummmm acho q não!!!

    Já o fator psicológico, não disse q o da mulher é fraco!! Disse q o psicológico não é compatível!!! Até mesmo dentro da própria equipe!!!O homem já tem um instinto natural de proteção da fêmea(mulheres), então se esta é alvejada, instintivamente toda a equipe volta a atenção para a mulher, deixando todo o perímetro vulnerável!! Ou seja…TODOS ficam em risco por causa da mulher!!!

    São apenas 2 exemplos(existem vários) bem simples e possíveis q podem acontecer a qq momento em uma equipe tática!!!

    E repito!!!!!!

    NÃO SOU EU Q ESTOU DIZENDO ISSO!!!
    Isso foi um estudo feito desde a II Guerra!!Sobre mulheres em operações especiais!!!

    espero ter esclarecido!!”

    Não prestam pra fazer a porra do serviço,mas ainda assim querem trabalhar pra pagar de fodonas.

  2. GOT diz:

    Vc é um mané mesmo cara, não entende nada de confronto militar… Por que nenhuma mulher entrou no Alemão na linha de frente, nem na Vila Cruzeiro?

    Nem vem com o papinho de que elas foram proibidas, sabe por que? porque eu estava lá, a arma é que nem vc disse só apertar o gatilho…então porque nao tinha nenhuma delas lá?

    De confronto armado vc só deve entender jogar CS no computador, deve levar uma surra de uma garotinha e achar, que ela seria boa num combate real…acorda seu mané, mulher nenhuma vai te dar crédito por ficar bajulando…

    E vc é como uma legitima feminista…quando não tem argumento: “HAA ISSO NÃO É FEMINISMO, É FEMISMO”

  3. GOT diz:

    QUERO VER CORAGEM PRA PUBLICAR MEU COMENTÁRIO TÁ.

      • GOT diz:

        Isso aí mesmo;;;

        Você é alguma espécie de procurador das feministas?

        Parece aqueles advogados que defendem causas perdidas e inventam um monte de desculpa sem nexo como argumento de defesa… perdi meu tempo lendo suas respostas e das 15 nenhuma, repito nenhuma você respondeu de forma coerente com fundamentos concretos… e se acusa aí, vc é mulher se passando por homem… homem não se rebaixaria desse jeito; encobrir a verdade pra defender mulheres egocêntricas.

  4. Bozo diz:

    Uma vez uma feminista quis conversa comigo, nem perdi o meu tempo de falar com elas, eu disse para elas “Vocês são fanaticas, sempre estão certas, não adianta falar porque sempre estarei errado!” elas continaram e respondi novamente “Porra, vocês são doentes, fanaticas e lunaticas, não quero perder tempo com vocês, entenderam!”.

    As feministas declararam guerras aos homens,então vence a lei do mais forte do mais inteligente. Vocês mesmos estão cavando a sua própria sepultura, não reconhecem os seus erros, claro que vão dar sempre justificativas, ao seus ódios pelos os homens, porque são sapatões!

  5. Bozo diz:

    Desculpa de feminista sapatão e de viado é sempre achar que os outros são iguais a vocês, ninguém aqui é viado e muito menos o Silvio, o que estamos nos revoltando sua bicha, é o vitimismo que as mulheres fazem e querem sempre fuder com os homens.

    Leio aquela merda de comunidade e sempre falam que todos os homens são pedofilos,assassinos, zoofilos, necrofilos, etc os homens são demonios e as mulheres são santas.

    Tem os Olhos de Safira, que parece mais Olhos de Ratazana, Infrimed que é uma merda que s acha a tal e a Carmen Helena, esse tem motivo de ser feminista, feia para caralho, quem vai comer aquela merda!

  6. Igor diz:

    Esse negócio de “feminismo” e “femismo” é puro escapismo pra esquivar-se de ilogicidades feministas.

    Esse feminismo que vc idealiza no post é maravilhoso no papel. Homem não é discriminado, não existe misandria e todo mundo usufrui de direitos iguais num mundo lindo e maravilhoso. Mas na prática é radicalmente o contrário. Na maior comunidade FEMINISTA do orkut já vi menções honrosas a Valerie Solanas(escreveu o scum manifesto sugerindo a extinção do sexo masculino), um tópico com o título “ódio aos homens” onde a autora explicitava de forma literal o seu asco aos homens(usaram a mesma desculpa que vc usou, era “femismo”, mas parece que ficou só nisso), uma das participantes mais ativas da comunidade propôs a “vasectomização forçada” de homens que segundo ela os manteria sobre controle e evitaria estupros(preciso comentar? se isso não for ódio, eu não sei o que é ódio), entre outras barbaridades que eu li por lá.

    Esse é apenas um exemplo do orkut, mas veja no mesmo blog do autor esse post:

    http://silviokoerich.blogspot.com/2009/08/as-citacoes-feministas-mais.html

    Nele há frases de lideranças feministas que revelam o que elas realmente pensam acerca da “igualdade de gênero”.

    • Ronchi diz:

      Mas quem disse que aquelas comunidades são de fato feministas?
      Tenho uma amiga que faz parte de um grupo de estudos sobre feminismo, e tod@s dali concordam que estas comunidades de orkut não são feministas!
      palavras dela: “Nessas comunidades nenhuma integrante parece ter lido um texto sobre feminismo, a opinião delas é ‘vamos matar os homens porque eles são naturalmente maus’ onde ja se viu isso ser feminismo”

      Você ja penso que este feminismo que você ataca realmente não existe? Você já penso que as comunidades de orkut são um poço de senso comum? E que as pessoas que ali estão estão apenas desabafando? E que na hora de desabafar elas não se preocupam na imagem do feminismo?

      • Igor diz:

        O interessante é que as verdadeiras feministas não combatem esse “femismo”. Afinal, ele não sujaria a imagem do verdadeiro “feminismo”? Então porque não erradica-lo? Eu não sei de onde vem esse feminismo esclarecido que vc tanto fala. Parece haver mais femistas que feministas no mundo.

        Utilizei a comunidade como referencial por ser o maior reduto feminista virtual que eu conheço. Pra vc ter uma idéia um dos participantes, um homem, esteve na tv esses dias falando sobre o feminismo e os desafios das mulheres para esse ano. Daí é possível deduzir que aquilo tem sim, uma certa importância sendo portanto muito mais que um espaço para desabafo.

        Aliás, vc abriu o link que eu coloquei no meu post?

  7. S diz:

    Respostas fraquissimas, exceto pelo exemplo das mulheres na Bolivia que devo concordar.

  8. Daniel Rodrigues diz:

    Olá,
    Sobre o texto, no geral está bom mas aí vão alguns toques:

    A questão sobre a diferença acerca da aposentadoria de homens e mulheres não foi suficientemente respondida. Deu-se voltas e a questão ficou no ar. Há realmente mulheres que se dizem feministas que defendem essa desigualdade mesmo sabendo que homens têm perspectiva de vida menor. E falar que é discurso femista realmente não é suficiente.

    Em relação a questão 14, o que se deve observar é que não se trata de determinado trabalho ser humilhante ou não. A questão é que trabalhos domésticos não trazem nenhum crescimento e satisfação pessoal tal como o trabalho remunerado externo ou os estudos. O apontamento da questão 14 refere-se ao discurso de se querer empurrar os trabalhos não-gratificantes para os homens e reivindicar acesso aos gratificantes para as mulheres. E de fato o Brasil não é só SP, RJ e DF, mas não é pertinente ignorar essas realidades. Homens realmente são empurrados para situações insalubres e perigosas ao passo que mulheres são protegidas devido ao imaginário social que lhes atribui uma suposta fragilidade inata. São esses os pontos que devem ser abordados na questão 14.

    E cuidado com a redação. Dê uma revisada antes de postar pois erros gramáticas e ortográficos pode atrapalhar o entendimento. A expressão “Cem terra” ficou muito estranha.

    Não estou querendo refutar o texto ou menosprezá-lo. Apenas dou alguns toques em pontos que me pareceram haver brechas para que desenvolva mais a argumentação.

    Abraços,

    Daniel.

  9. Matrix diz:

    eh tudo a msm porra, femismo, feminismo, tanto faz , eh sempre a mulher por cima do homem. Fodase, pra sempre homem, maldito mangina

  10. David Cavalini diz:

    Amei ! a coisa ta tao feia que nos vamos ter que lutar por direitos iguais ! Parabens pelo texto ! publiquei no meu perfil.forte abraco

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s